Seguro para veículos: qual contratar?

Contratar um seguro para veículos garante tranquilidade e fornece uma série de facilidades para o segurado, como chaveiro, assistência mecânica e guincho. Conheça as principais coberturas antes de fazer a cotação do seguro do seu carro.

Hoje em dia, as seguradoras oferecem as coberturas Compreensiva e de Roubo, furto e Incêndio. Elas estão diretamente relacionadas ao veículo. Neste artigo, vamos falar sobre o seguro total.

Principais coberturas a serem contratadas em um seguro para veículos

A maioria dos seguros para veículos são contratados com cobertura de Danos Materiais (DM) e Danos Corporais (DC) contra terceiros. Nestas modalidades, pode-se considerar o valor inicial de R$ 50.000,00 para a apólice. Se possível, solicite pelo menos R$ 100.000,00 de valor inicial, para ter maior flexibilidade em caso de um acidente. Os custos destas coberturas não pesam tanto no valor final do seguro.

Coberturas opcionais (e bem importantes!)

  • APP (Acidentes Pessoais de Passageiros) –  é a cobertura que oferece indenização por danos aos passageiros do veículo segurando em caso de acidente. Com a APP, as principais garantias oferecidas pelo seguro são: Morte e Invalidez Permanente; Despesas Médico Hospitalares e Extensão para os países da América do Sul;
  • Danos Morais (DM) – é uma cobertura de suma importância. Garante ao segurado o reembolso de indenização por danos morais a terceiros, caso seja processado por um acidente. Com sentença transitada em julgado ou acordo judicial, a seguradora autoriza a quitação, respeitando o limite máximo de indenização estipulado na apólice. Cabe lembrar que esta cobertura é válida, apenas, para danos morais decorrentes de acidente de transito com o veículo segurado, excluindo condenações motivadas por outros fatos, danos estéticos e condenações do segurado em função de sua omissão na condução dos processos instaurados pelos terceiros.

Três Coberturas e Serviços Interessantes

1 – Cobertura DMH – Confere o reembolso das despesas médico-hospitalares que os ocupantes do veículo tiverem realizado com o tratamento determinado por autoridade médica e executado por profissionais habilitados. Os valores obedecem ao limite máximo de indenização por passageiro estipulado na apólice.

Cuidado com os prazos: as seguradora podem não reembolsar as despesas se o tratamento tiver início depois de decorridos 30 dias da data de ocorrência do acidente.

2 – Assistência 24h – são os serviços de emergência ao veículo segurado e seus ocupantes.  Atenção para que a quantidade de passageiros não exceda o total do veículo. A Assistência oferece guincho, troca de pneu, chaveiro, hospedagem, remoção de passageiros acidentados entre outras vantagens.

3 – Kit Gás – a contratação desta cobertura é obrigatória para veículos que tenham o Kit Gás instalado no veículo.

Na ocorrência de um dos riscos previstos na apólice, estará coberto o Kit Gás, desde que o equipamento esteja fixado de forma permanente no veículo, constatado na vistoria prévia ou na apólice anterior. É necessária a apresentação da nota fiscal do equipamento bem como do CRLV do veículo, já com a informação do GNV, ou do certificado de segurança veicular (CSV).
Se a instalação do Kit Gás for realizada durante a vigência da apólice, é obrigatório o endosso de alteração para inclusão de verba específica para esta cobertura.
Importante: Em caso de indenização integral do Kit Gás, além da nota fiscal de aquisição e do CSV, será necessária a apresentação do certificado do cilindro, expedido por empresa credenciada pelo Inmetro.

Dicas para contratar um seguro

  • Tenha sempre um corretor de seguros intermediando a aquisição. Ele irá te assessorar no momento da contratação, observando as suas reais necessidades e indicando a modalidade adequada.
  • A contratação do seguro de automóvel é feita por meio de uma proposta, que precisa da sua aprovação antes da seguradora gerar a apólice, que é o contrato entre a pessoa ou empresa e a companhia seguradora.
  • Andar com seu carro sem seguro é por em risco um patrimônio que custa caro. Antes de contratar um seguro, preste bastante atenção nas coberturas ofertadas. A escolha do produto certo trará tranquilidade.
  • Quando receber uma proposta de seguro para veículos, procure conhecer todas as suas regras, as garantias contratadas (coberturas) e as exclusões. Tire todas as dúvidas com seu corretor. A escolha do seguro não deve ser feita considerando somente o preço, condições de pagamento e eventuais benefícios que as seguradoras oferecem. Você precisa saber exatamente as partes do seu carro que estão protegidas e em quais situações o seguro pode ser aplicado e em quais não poderá.

Como fazer alterações numa apólice de um seguro para veículos?

A qualquer momento, durante a validade da apólice, você pode alterar dados e condições do contrato de seguro, desde que em comum acordo com a seguradora. Essas alterações são validadas por um documento chamado endosso.

Para realizar alguma modificação no seguro do seu carro, basta procurar o corretor ou a central de atendimento da própria empresa. Verifique quais condições podem ser alteradas e os procedimentos que cada seguradora adota para a tarefa.

Conclusão

O seguro de automóvel abrange os veículos automotores de vias terrestres e reboques. Ou seja: cobre todo tipo de automóvel, inclusive motos, caminhões e ônibus. Entretanto não pode ser contratado para veículos que andem sobre trilhos, na água ou no ar.

O seguro de automóvel contratado no Brasil tem, na maioria das seguradoras, validade para os países do Mercosul e são regidos por normas estabelecidas pela Superintendência de Seguros Privados.

Saiba mais em informações úteis sobre seguro de automóveis na SUSEP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *